Notícias

home » notícias

4 de Dezembro de 2018 às 08:34

Sindicato muda cor do site em apoio à campanha Dezembro Vermelho


Crédito: Freepik

Campo Grande - Depois das campanhas de conscientização contra o câncer de mama e o câncer de próstata, o Sindicato dos Bancários de Campo Grande-MS e Região novamente quer chamar a atenção dos bancários, desta vez, para a campanha “Dezembro Vermelho”. O objetivo é promover a conscientização e prevenção à AIDS. O layout do site do sindicato foi alterado para a “cor vermelha”. 

O Dia Mundial de Combate à AIDS é comemorado no dia 1 de dezembro, mas a campanha se estende durante todo o mês, visando divulgar informações sobre o vírus e a prevenção. 

A AIDS é o estágio mais avançado da doença que ataca o sistema imunológico, conhecida também por “Síndrome da Imunodeficiência Adquirida”, causada pelo HIV. Este vírus ataca as células de defesa do corpo humano, deixando o organismo mais vulnerável para doenças e infecções. 

Segundo o relatório das Nações Unidas de combate ao HIV/AIDS (Unaids), 37 milhões de pessoas vivem com HIV no mundo, o maior número registrado na história. O documento apontou ainda que, em 2017, 75% das pessoas que viviam com HIV sabiam da carga viral, e 58,6% delas (21,7 milhões) tiveram acesso à terapia antirretroviral. 

A Organização Mundial da Saúde (OMS) alerta, ainda, que cerca de 1 milhão de pessoas morrem todos os anos por não saber que estavam contaminadas pelo HIV ou por começarem tarde demais o tratamento contra a doença.

No Brasil, o Ministério da Saúde estimou que 866 mil pessoas viviam com o HIV no ano passado. Desse total, 84% (731 mil) estavam diagnosticadas, e 75% (548 mil) estavam em tratamento antirretroviral. Até setembro deste ano, havia 585 mil pessoas em tratamento para HIV/AIDS. 

Diagnóstico

Saber do contágio pelo HIV precocemente aumenta a expectativa de vida do soropositivo. O diagnóstico da infecção pelo HIV é feito a partir da coleta de sangue. 

No Brasil, há exames laboratoriais e os testes rápidos, que detectam os anticorpos contra o HIV em até 30 minutos, colhendo uma gota de sangue da ponta do dedo. Esses testes são realizados gratuitamente pelo Sistema Único de Saúde (SUS), nas unidades da rede pública e nos Centros de Testagem e Aconselhamento – CTA. 

Em Campo Grande, o CTA está localizado na Rua Anhandui, número 299, bairro Amambaí. Mais informações pelo telefone 3314-3450. 

SEEB/Campo Grande -  Adriana Queiroz


Notícias Relacionadas