Notícias

home » notícias

4 de Dezembro de 2013 às 12:34

04/12/2013 - Caixa faz manobra contra processo democrático na eleição do Conselho de Administração


Brasília - Em documento enviado à Comissão Eleitoral da eleição do representante do Conselho de Administração da Caixa, a Chapa 130 denunciou a atitude antidemocrática da Caixa, que de forma ilícita e contra a determinação da comunicação interna 060/2013, encaminhou e-mail com pedido de voto para a chapa dos gestores.

A atitude da Caixa contraria a CE Depes/Geing 060/2013, expedida no dia 6 de novembro, que deixou claro que não haveria solicitação ou encaminhamentos no sentido de reprodução de mensagens direcionadas a agência ou unidade da Caixa para pedir votos em favor de qualquer uma das chapas que participam do processo eleitoral.

Acontece que, nos dias 2 e 3 de dezembro, foi constatado que a Federação Nacional dos Gestores (Fenag) enviou correspondência interna aos cuidados dos superintendentes e gerentes, via e-mail, para todas unidades de trabalho e agências, que as enviaram para as bancárias e bancários de todo o Brasil já que trata-se de uma eleição nacional.

Portanto, a conduta adotada pelos superintendentes por meio da Fenag fere a orientação dada pela Depes, causando indignação e estranheza, já que a estrutura secular da Caixa foi colocada à disposição para um procedimento antidemocrático, unilateral e que macula todo o processo que, certamente, deveria ser democrático e isonômico.

O Sindicato destaca que as entidades que representam os trabalhadores, tais como Fenae e sindicatos, estão bloqueadas e impedidas de encaminhar mensagens aos empregados. Já a Fenag está enviando mensagens pedindo aos gerentes que votem e façam campanha junto aos seus subordinados para a chapa indicada. Tal atitude coloca a Caixa e seus recursos à disposição de uma chapa em prejuízo das demais.

A postura da empresa contra o processo democrático nas eleições deixa clara a intenção da Caixa de ter um conselheiro “controlável”.

O Sindicato salienta a importância do Conselho de Administração ter também integrantes dos demais segmentos que compõem a Caixa. Atualmente, todos os membros que integram o Conselho são gestores. Essa é a oportunidade que os empregados têm de eleger um integrante que os represente de fato. Empregado, você colocará outro gestor no Conselho?

Lembramos ainda que a conquista da categoria de derrubar a barreira que impedia a participação de empregados sem experiência gerencial no certame está ameaçada com a pressão dos gestores para eleger a sua chapa. Em resposta a essa manobra da Caixa e contra a pressão dos gestores, o Sindicato pede seu voto para a Chapa 130 por entender que ela representa de fato os trabalhadores.

Conclamamos os empregados a também fazerem parte da campanha para eleição dos representantes da Chapa 130.


Sindicato dos Bancários de Brasília


Notícias Relacionadas